Eu já dei risada até a barriga doer,
já nadei até perder o fôlego,
já chorei até dormir e acordei com o rosto desfigurado.
Já fiz cócegas na minha irmã,
já me queimei brincando com vela.
Eu já fiz bola de chiclete e melequei todo o rosto,
já conversei com o espelho,
e até já brinquei de bruxa.
Já quis ser bailarina,
patinadora no gelo, mágica, estilista,actriz,
,camponesa,arquitecta,modelo internacional,
artista plástica de grande galerias de arte e trapezista.
Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora.
Já tomei banho de chuva...
Já fiz amor ao ar livre,já fui mãe e quero ser novamente!
Já tive de sorrir com vontade de chorar...Já roubei beijo,
já fiz confissões antes de dormir num quarto escuro.
Já raspei o fundo da panela,
já chorei ouvindo música.
Já tentei esquecer algumas pessoas,
mas descobri que essas são as mais difíceis de se esquecer.
Que só tempo acalma e traz paz,
Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas,
já subi em árvore pra roubar fruta, já caí de bunda,
já corri com toda velocidade e ralei meus joelhos...
Já fiz juras eternas,
já escrevi no muro da escola,
já chorei sentada no chão do banheiro,
já fugi de casa pra sempre, e voltei no outro instante.
Já saí pra caminhar sem rumo, sem nada na cabeça, ouvindo estrelas.
Já pedi pro Papai Noel um grande amor...
já o esperei a noite toda no portão...
Já fiquei sozinha no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só!
Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado,
já me joguei na piscina sem vontade de voltar,
já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar.
Já senti medo do escuro,
já tremi de nervoso,
já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial.
Já me apaixonei e achei que era para sempre, sem saber que para sempre... sempre acaba...
Já deitei na grama de madrugada e vi a lua virar sol,
já chorei por ver amigos partindo,
mas descobri que logo chegam novos,
e a vida é mesmo um ir e vir sem razão.
Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção,
guardados num baú, chamado coração...
agora, um formulário me interroga,
me encosta na parede e grita: "Qual sua experiência?"
Essa pergunta ecoa em meu cérebro: "experiência, experiência..."Será que ser "plantador de sorrisos" é uma boa experiência?
Nasci no dia do palhaço, sou optimista, e tudo vai dar certo!!!!
Mas que a única coisa na nossa vida que é mesmo certa ,
é a amizade esta sempre podemos escolher ,
e eu tenho absoluta certeza de que escolhi só as melhores pessoas;)
Os amigos são anjos que estão sempre por perto pessoal ou virtualmente .
Este é um texto de autor anónimo com algumas adaptações minha, mas tenho certeza que cabe muito à todas nós...